Saiba como conseguir renda extra com artesanato

Saiba como conseguir renda extra com artesanato

Você sabia que é totalmente possível fazer uma renda extra com artesanato ou até mesmo abrir um negócio na área?

Publicidade




Afinal, o mundo está cheio de pessoas artísticas que costuram, pintam e imprimem seu caminho através da vida.

 

O artesanato é uma excelente maneira de relaxar e permitir que seu lado criativo brilhe através dele.

E se lhe disséssemos que o artesanato pode ser mais do que apenas um hobby?

Muitas pessoas vivem de renda extra com artesanato e conseguem manter todas as suas principais despesas dentro do orçamento.

Além disso, a construção de um negócio de artesanato online permite que você aproveite sua paixão e a transforme em algo que faça dinheiro.

Publicidade




Mais tarde, você pode decidir se quer trabalhar nele em tempo integral ou tratá-lo como um trabalho paralelo que lhe gera uma renda extra.

Confira abaixo todas as nossas dicas sobre como conseguir uma renda extra com artesanato!

Como iniciar um negócio com artesanato?

Identifique uma oportunidade no mercado

O primeiro passo para iniciar um negócio de artesanato é decidir o que você vai vender.  Sua decisão sobre o que “fazer” dependerá parcialmente do que você gosta de fazer.

Entretanto, também é importante pesquisar o mercado e ver o que poderia vender para sua empresa.

Portanto, examine o mercado e pergunte-se que tipo de produtos você poderia oferecer através da sua marca para tornar os clientes mais propensos a comprar de você.

Conheça melhor o seu público

Para aqueles que estão aprendendo como iniciar um negócio artesanal, há boas notícias: a indústria do artesanato é um lugar bastante diversificado.

Desse modo, vender nesta indústria significa que você pode visar vários segmentos demográficos e de consumo com base nos produtos que vende. Se você estiver vendendo produtos essenciais para casa como ganchos chave e cobertores, você pode se concentrar nos consumidores mais velhos que podem se dar ao luxo de comprar itens para as suas casas.

Entretanto, se você estiver vendendo pulseiras de amizade feitas a mão e sabonetes artesanais, você provavelmente pode visar um público um pouco mais jovem.


Crie um Plano de Negócios

Quando você está aprendendo como começar a vender artesanato, é provável que você se entusiasme com coisas como planejar quais produtos você vai vender e encontrar seu público alvo, mas é importante fazer um bom planejamento primeiro.

Criar um plano de negócios de artesanato é uma tarefa obrigatória. Pense nisso como a bússola para seu negócio, mantendo-o na direção certa, não importa o que aconteça em sua indústria.

Desenvolva a sua marca

A marca é uma das coisas mais importantes para conseguir uma renda extra com artesanato.

Afinal, as pessoas compram de empresas que conhecem e nas quais confiam, você precisa apresentar-lhes uma marca que deixe uma grande impressão duradoura.

Uma boa marca envolve tudo, desde um nome de empresa memorável até um logotipo atraente, uma paleta de cores significativa e até mesmo um tom de voz único.

Como fazer a precificação do meu produto?

O preço de itens feitos à mão é um assunto que coloca pânico em muitos proprietários de negócios de artesanato.

Afinal, muitos ouvem dizer que seus preços são muito baixos, procuram uma fórmula de preços, ligam seus números e depois se assustam quando percebem quais devem ser seus preços.

Portanto, as 3 etapas básicas para fixar o preço de seus produtos artesanais são:

1º Cobrir custos

Os preços de seus produtos devem garantir que você esteja sendo pago de volta pelo dinheiro que gasta em seu negócio a cada mês.

Estes custos devem ser por onde seus preços começam. Não apenas seus custos de produção, mas todos os custos.

2º Adicionar o lucro

Sua empresa deve lucrar para permanecer em atividade. Os lucros devem ser sempre incorporados em seu preço e devidamente calculados. Não simplesmente multiplicando os números por dois e esperando que haja lucro depois que os custos forem cobertos.

3º Adicionar margem de lucro

O Markup permite que você ofereça descontos e dá ao seu negócio um acolchoamento extra.

Desse modo, o valor de uma margem que você adicionará dependerá de se você planeja vender no atacado, de quanto de um desconto você quer ser capaz de oferecer aos clientes, e/ou de quanto acolchoamento extra você gostaria de ter para seu negócio.

Como vender meu artesanato?

O desenvolvimento do site é crucial, pois seu site é sua presença online e precisa convencer potenciais clientes da sua experiência e profissionalismo.

No entanto, é improvável que eles encontrem seu site, a menos que você siga as práticas de Search Engine Optimization (SEO).

Estes são passos que ajudam as páginas a se posicionarem mais alto nos resultados dos principais mecanismos de busca como o Google.

Você pode criar seu próprio website usando serviços como WordPress, Wix, Mercado Livre ou Shopify.

Este caminho é muito acessível, mas descobrir como construir um website pode ser demorado.

Se você não tiver conhecimentos técnicos, você pode contratar um web designer ou desenvolvedor para criar um site personalizado para seu negócio ou contar com plataformas prontas de vendas como o Mercado Livre e Shopee.

Leia também –Aprenda a fazer vela aromática artesanal livre de parafina

Você está aqui:

Utilizamos cookies para lhe oferecer a melhor experiência em nosso site. Ao continuar a navegar, você confirma que aceita estes termos.