Aprenda funções básicas do Excel

Aprenda funções básicas do Excel

As planilhas do Excel são uma das ferramentas mais poderosas e versáteis no mundo da computação, amplamente utilizadas em escritórios, empresas, instituições acadêmicas e até mesmo por usuários domésticos.

Publicidade




Desenvolvido pela Microsoft, o Microsoft Excel é um software de planilhas eletrônicas que permite aos usuários criar, organizar, analisar e visualizar dados de forma eficiente.

Desde o seu lançamento em 1985, o Excel tornou-se uma peça fundamental no gerenciamento de dados e informações, proporcionando inúmeras vantagens, como cálculos automáticos, gráficos dinâmicos, funções personalizadas e muito mais.

Nesta era digital, as planilhas do Excel continuam a desempenhar um papel essencial na otimização de tarefas complexas. Neste artigo vamos ensinar você a fazer uma planilha no Excel:

Passo 1: Abrir o Excel

Inicie o Microsoft Excel em seu computador.

Passo 2: Criar uma Nova Planilha

Publicidade




Após abrir o Excel, clique em “Novo” para criar uma nova planilha em branco.

Passo 3: Inserir Dados

Digite os dados na planilha. Por exemplo, na célula A1, você pode digitar “Nome”, na célula B1 “Idade” e nas células A2 e B2, os valores correspondentes, como “João” e “30”.

Passo 4: Fórmulas Básicas

Agora, vamos utilizar algumas das principais funções do Excel:

a) Soma

Vamos calcular a soma da idade. Na célula B3, digite a fórmula: =SOMA(B2:B2). O Excel irá automaticamente somar os valores da célula B2.

b) Média

Na célula B4, vamos calcular a média da idade. Digite a fórmula: =MÉDIA(B2:B2). O Excel calculará a média dos valores na célula B2.

c) Máximo e Mínimo

Nas células B5 e B6, vamos calcular a idade máxima e mínima, respectivamente.
Para o máximo: =MÁXIMO(B2:B2)
Para o mínimo: =MÍNIMO(B2:B2)

Passo 5: Formatação

Você pode formatar os números para exibição de decimais, moeda ou outras opções através do painel de formatação no topo da tela.

Passo 6: Salvando a Planilha

Para salvar sua planilha, clique em “Arquivo” e selecione “Salvar como”. Coloque o nome do arquivo e clique em “Salvar”.
Lembre-se que essas são apenas algumas das funções básicas disponíveis no Excel. Existem muitas outras funções e recursos poderosos para aplicar na planilha.

Aplicação da função SOMA em planilha de orçamento pessoal

Nesta planilha, você pode controlar suas receitas e despesas mensais para monitorar suas finanças pessoais.
Explicação: Nesta planilha, usamos a função SOMA para calcular o total das despesas. A fórmula “=SOMA(D3:D5)” soma os valores na coluna D da linha 3 à linha 5.

Aplicação da função MÉDIA em planilha de notas e média dos alunos:

Nesta planilha, você pode inserir as notas dos alunos de cada bimestre ou semestre e calcular a média.

Explicação: Nesta planilha, usamos a função MÉDIA para calcular a média das notas de cada aluno. A fórmula “=MÉDIA(B3:E3)”, ” calcula a média das notas de cada aluno. A fórmula “=MÉDIA(B3:E3) significa, calcule a média entre as células B3 a E3, isto é, entre as colunas B a E da linha 3.

Função multiplicar em planilha de estoque

Nesta planilha, você pode monitorar o estoque atual e calcular o valor total do estoque.

Método 1: Usando fórmulas

Neste método, usaremos a fórmula matemática padrão para calcular a porcentagem.

Exemplo 1: Calcular 15% de um valor

Passo 1: Digite o valor inicial na célula A1. Por exemplo, insira “200” em A1.

Passo 2: Na célula B1, digite a seguinte fórmula: =A1 * 15%. Pressione “Enter”.

O Excel calculará automaticamente 15% do valor em A1 e exibirá o resultado em B1.

Exemplo 2: Aumentar um valor em 10%

Passo 1: Digite o valor inicial na célula A2. Por exemplo, insira “50” em A2.

Passo 2: Na célula B2, digite a seguinte fórmula: =A2 + (A2 * 10%). Pressione “Enter”.

O Excel calculará automaticamente 10% do valor em A2, adicionará esse valor ao valor em A2 e exibirá o resultado em B2.

Método 2: Usando a funcionalidade de porcentagem embutida

Neste método, usaremos a funcionalidade de porcentagem embutida do Excel.

Exemplo 3: Calcular 20% de um valor

Passo 1: Digite o valor inicial na célula A3. Por exemplo, insira “800” em A3.

Passo 2: Na célula B3, digite o seguinte: =A3 * 20%. Pressione “Enter”.

Novamente, o Excel calculará automaticamente 20% do valor em A3 e exibirá o resultado em B3.

Exemplo 4: Aplicar desconto de 30%

Passo 1: Digite o valor inicial na célula A4. Por exemplo, insira “1000” em A4.

Passo 2: Na célula B4, digite o seguinte: =A4 – (A4 * 30%). Pressione “Enter”.

O Excel calculará automaticamente 30% do valor em A4, subtrairá esse valor do valor em A4 e exibirá o resultado em B4.

Esses são exemplos básicos de como calcular porcentagem no Excel. A funcionalidade de porcentagem é muito útil e flexível, permitindo que você faça cálculos variados com facilidade. Experimente e explore mais funções e recursos do Excel para aprimorar suas habilidades!

Exemplo 1: Gráfico de Barras

Neste exemplo, criaremos um gráfico de barras simples para mostrar a venda mensal de um produto.

Passo 1: Digite os dados na planilha. Crie uma tabela com as colunas “Mês” (A1:A5) e “Vendas” (B1:B5), por exemplo:

Passo 2: Selecione os dados que você deseja incluir no gráfico. Neste caso, selecione A1:B5.

Passo 3: Clique na guia “Inserir” no topo da janela do Excel.

Passo 4: Na seção “Gráficos”, escolha o tipo de gráfico de barras que você deseja criar. Selecione o gráfico de barras padrão (barras agrupadas).

Passo 5: O gráfico será automaticamente criado na planilha. Você pode ajustar o tamanho e a posição do gráfico conforme necessário.

Exemplo 2: Gráfico de Pizza (Pizza ou Torta)

Neste exemplo, criaremos um gráfico de pizza para mostrar a distribuição percentual de vendas de três produtos diferentes.

Passo 1: Digite os dados na planilha. Crie uma tabela com as colunas “Produto” (A1:A3) e “Vendas” (B1:B3), por exemplo:

Passo 2: Selecione os dados que você deseja incluir no gráfico. Neste caso, selecione A1:B3.

Passo 3: Clique na guia “Inserir” no topo da janela do Excel.

Passo 4: Na seção “Gráficos”, escolha o tipo de gráfico de pizza.

Passo 5: O gráfico de pizza será automaticamente criado na planilha. Novamente, você pode ajustar o tamanho e a posição do gráfico conforme necessário.

Além desses exemplos básicos, o Excel oferece uma ampla variedade de opções de gráficos, estilos e personalizações para atender às suas necessidades de visualização de dados.

Lembre-se de explorar as diferentes opções de gráficos e experimentar para encontrar o tipo mais adequado para seus dados específicos.

Estes são apenas alguns exemplos simples de planilhas do Excel com algumas funções comuns. O Excel oferece uma vasta gama de funções poderosas para análise de dados, cálculos e automação de tarefas.

Explore o Excel para descobrir mais funções e recursos avançados.

Conclusão:

Em suma, as planilhas do Excel são uma das ferramentas mais notáveis e indispensáveis da era da informação. Sua capacidade de organizar dados, realizar cálculos avançados e apresentar informações visualmente por meio de gráficos é inigualável.

Seja para fins comerciais, acadêmicos ou pessoais, o Excel proporciona uma plataforma poderosa para otimizar processos, analisar dados, tomar decisões informadas e aprimorar a eficiência.

Embora novas tecnologias possam surgir, as planilhas do Excel continuarão a ser uma pedra angular no mundo dos negócios e da produtividade, permitindo que usuários de todas as esferas da vida simplifiquem tarefas complexas e alcancem resultados excepcionais.

Você está aqui:

Utilizamos cookies para lhe oferecer a melhor experiência em nosso site. Ao continuar a navegar, você confirma que aceita estes termos.