Aprenda a fazer uma planilha usando funções básicas do Excel.

Aprenda a fazer uma planilha usando funções básicas do Excel.

O Excel é um software de planilha eletrônica que utiliza tabelas para realizar cálculos ou apresentar dados, criado pela Microsoft.

Publicidade




Você pode fazer uma planilha Excel, que é um software amplamente utilizado para criar e gerenciar planilhas.

A planilha Excel em si não precisa de internet para funcionar por ser um software instalado no computador. No entanto, para algumas funcionalidades específicas do Excel será necessário a conexão com a internet.

Aqui está um guia passo a passo para criar uma planilha no Excel:

1.Abra o Microsoft Excel:

  • Inicie o Microsoft Excel no seu computador. Se você não tiver o Excel instalado, pode usar alternativas gratuitas como as planilhas Google Sheets, que é um serviço online semelhante ao Excel.

2.Crie uma nova planilha:

  • Ao abrir o Excel, você será direcionado para uma nova planilha em branco.
  • Observe as células dispostas em linhas e colunas. Cada célula é identificada por uma combinação de uma letra (representando a coluna) e um número (representando a linha), por exemplo, A1, B2, etc.

3.Insira dados:

  • Comece inserindo os dados relevantes em sua planilha. Por exemplo, na primeira coluna, você pode inserir as datas, na segunda coluna as descrições e assim por diante.
  • Clique em uma célula vazia e comece a digitar os dados.

4.Formate a planilha:

  • Selecione as células ou colunas que deseja formatar.
  • Utilize as opções na barra de ferramentas superior para alterar a formatação de texto, fonte, cor de fundo, bordas etc.
  • Aplique fórmulas para calcular valores ou realizar operações matemáticas. Por exemplo, você pode usar a fórmula “=SOMA(A1:A10)” para somar os valores das células A1 a A10.
Publicidade




5.Crie fórmulas e funções:

  • Utilize fórmulas e funções do Excel para realizar cálculos automaticamente. Por exemplo, “=SOMA(A1:A10)” soma os valores das células A1 a A10.
  • Para inserir uma fórmula, clique na célula desejada e digite “=” seguido da fórmula.

6.Adicione gráficos:

  • Se desejar visualizar seus dados em formato de gráfico, selecione as células que contêm os dados que deseja representar graficamente.
  • Clique na opção “Inserir” na barra de ferramentas superior e escolha o tipo de gráfico que melhor se adequa aos seus dados.

7.Salve sua planilha:

  • Para salvar sua planilha, clique em “Arquivo” e escolha “Salvar” ou use o atalho “Ctrl + S”.
  • Dê um nome ao arquivo e escolha a pasta onde deseja salvá-lo.

Essas são apenas as etapas básicas para criar uma planilha no Excel. O programa oferece muitos recursos avançados, como formatação condicional, tabelas dinâmicas, macros, entre outros, que podem ser explorados para aprimorar e personalizar sua planilha.

É possível experimentar o Excel gratuitamente, clicando no link abaixo.

https://www.microsoft.com/pt-br/microsoft-365/excel

Criar uma planilha de controle de gastos, controle financeiro e controle de estoque pode ser uma ferramenta poderosa para ajudá-lo a administrar suas finanças pessoais ou gerenciar um negócio de forma eficiente.

Aqui estão algumas dicas para criar cada uma dessas planilhas:

1.Planilha de Controle de Gastos:

  • Para fazer uma planilha de controle de gastos, crie uma lista de categorias de gastos relevantes, como alimentação, moradia, transporte, entretenimento, etc.
  • Crie colunas para registrar a data, a descrição do gasto, a categoria, o valor gasto e o método de pagamento.
  • Registre todos os gastos realizados, atualizando a planilha regularmente.
  • Utilize fórmulas para calcular totais por categoria e para calcular o total geral de gastos.
  • Adicione gráficos ou visualizações para facilitar a análise dos dados na planilha de gastos mensais.

2.Planilha de Controle Financeiro:

  • Na planilha de controle financeiro, crie colunas para registrar as receitas, despesas, saldo inicial e saldo final.
  • Registre todas as receitas e despesas, incluindo detalhes como data, descrição e valor.
  • Utilize fórmulas para calcular o saldo final, subtraindo as despesas das receitas.
  • Adicione gráficos para visualizar o fluxo de caixa ao longo do tempo.
  • Considere a inclusão de metas financeiras e acompanhe seu progresso.

3.Planilha de Controle de Estoque:

  • Crie colunas para registrar os itens do estoque, quantidade inicial, entrada de estoque, saída de estoque e quantidade final.
  • Registre todos os itens do estoque, atualizando as informações conforme houver movimentação.
  • Utilize fórmulas para calcular a quantidade final de estoque, somando as entradas e subtraindo as saídas.
  • Considere a inclusão de informações como preço de custo, preço de venda e fornecedor.
  • Adicione alertas ou formatação condicional para destacar itens com quantidade baixa ou estoque mínimo.

Dica adicional: Existem também diversos modelos prontos de planilhas disponíveis na internet que você pode utilizar como base e adaptar às suas necessidades específicas. Além disso, aplicativos e softwares de gestão financeira podem oferecer recursos mais avançados para facilitar o controle e análise dessas informações.

Ao criar uma planilha de gastos no Excel, você pode aproveitar as principais funções do software para realizar cálculos e análises.

Aqui estão algumas das funções mais úteis para esse tipo de planilha:

SOMA:
A função SOMA é usada para adicionar valores em um intervalo de células. Por exemplo, você pode usar “=SOMA(A1:A10)” para somar os valores das células A1 a A10.

MÉDIA:
A função MÉDIA é usada para calcular a média dos valores em um intervalo de células. Por exemplo, “=MÉDIA(A1:A10)” retornará a média dos valores nas células A1 a A10.

MÁXIMO e MÍNIMO:
As funções MÁXIMO e MÍNIMO são usadas para encontrar o maior e o menor valor em um intervalo de células, respectivamente. Por exemplo, “=MÁXIMO(A1:A10)” retornará o valor máximo das células A1 a A10.

CONT.SE:
A função CONT.SE é útil para contar o número de células que atendem a um determinado critério. Por exemplo, “=CONT.SE(A1:A10, “>100″)” contará quantas células no intervalo A1 a A10 são maiores que 100.

SOMASE:
A função SOMASE permite somar valores em um intervalo de células com base em um critério específico. Por exemplo, “=SOMASE(A1:A10, “>100″)” somará apenas as células no intervalo A1 a A10 que forem maiores que 100.

PROCV:
A função PROCV é usada para procurar um valor em uma tabela e retornar um valor correspondente em outra coluna. É útil quando você precisa fazer referência a dados em diferentes tabelas ou folhas.

Por exemplo, “=PROCV(A1, Tabela1!A1:B10, 2, FALSO)” procurará o valor de A1 na tabela Tabela1 (coluna A) e retornará o valor correspondente da coluna B.

Essas são apenas algumas das funções básicas que podem ser usadas em uma planilha de gastos no Excel. Existem muitas outras funções disponíveis que podem ser exploradas de acordo com suas necessidades específicas.

O Excel também oferece recursos avançados, como formatação condicional, filtros, tabelas dinâmicas e gráficos, que podem ajudar a visualizar e analisar seus dados de maneira mais eficaz.

Leia também – O Papel do Google Merchant Center e do Google Drive na Gestão de Imagens

Você está aqui:

Utilizamos cookies para lhe oferecer a melhor experiência em nosso site. Ao continuar a navegar, você confirma que aceita estes termos.